27/05/2024

Soluções de rastreamento inteligente RFID para gestão de inventário e outras indústrias

Rastreamento RFID: soluções inteligentes com abraçadeiras RFID e acessórios

A HellermannTyton desenvolveu uma gama de abraçadeiras RFID, acessórios e leitores RFID, para tornar o seu processo de rastreamento RFID e de identificação mais eficientes. A variedade de aplicações é o que faz do RFID uma tecnologia única:

  • Aumentar a eficiência na produção: Muitos passos são eliminados porque as etiquetas das abraçadeiras RFID têm várias funções - fixação, agrupamento, etiquetagem, segurança na identificação do produto, rastreamento do produto RFID e muito mais
     
  • Etiquetagem de confiança e identificação de produtos em ambientes severos: o armazenamento de informação na etiqueta RFID permanece legível mesmo em ambientes extremos de produção e operação, em qualquer altura
     
  • Marcação e identificação de peças inacessíveis: as abraçadeiras RFID são uma alternativa de confiança quando a identificação convencional, como códigos de barras, não é bem legível - por exemplo, através de restrições de espaço ou quando não podem ser etiquetados por razões de material
     
  • Aplicações de suporte na indústria 4.0: o objectivo de uma fábrica inteligente é quase ilimitado. Hoje em dia, as abraçadeiras são usadas em quase todas as indústrias - combinado com a tecnologia RFID, há um grande potencial na aposta de um Factor Inteligente

Visão geral do produto

O que é o RFID?

Identificação por radiofrequência (RFID) é uma solução inteligente para identificação, serialização e rastreamento de produtos em várias áreas e indústrias. Veja este vídeo para descobrir como funciona a tecnologia RFID e como pode ser aplicada na indústria: 

Vantagens das etiquetas RFID

Várias funções combinadas: as abraçadeiras são portadoras de identificação, etiquetas de produtos e fixação de cabos - tudo ao mesmo tempo

  • Identificação única como etiquetas RFID programadas com um código único
  • Recolha de dados rápida e sem papel
  • Eliminação de erros tipográficos em relatórios
  • Redução de horas de trabalho devido à redução de papel
  • Administração de dispositivos e armazém controlada
  • Capacidade de armazenar mais dados do que códigos de barras
  • Cumprimento da legislação
  • Fácil partilha de informação actualizada 
  • Gestão de equipamentos de inspecção, trabalho de manutenção, etc
  • Funcionamento confiável em ambientes severos, por exemplo, condições húmidas, com pó e sujas: ambientes corrosivos; vibração e choque
  • Não precisa de contacto ou campo de visão

Saiba mais sobre as vantagens das soluções RFID da HellermannTyton neste vídeo:

Para que é usado o RFID?

O rastreamento RFID é usado em várias indústrias. A combinação do material, transmissor, distância de leitura e envolventes, decide o seu uso. As etiquetas RFID em abraçadeiras são usadas para aplicações como:

  • Gestão de recursos e ativos
  • Prevenção de roubos e rastreio  
  • Etiquetas de segurança
  • Manutenção essencial
  • Verificação de presença e tempo de gravação
  • Deteção de fugas
  • Etiquetagem de bagagem
  • Identificação de veículos
  • Processos automatizados

Existe uma necessidade ainda maior para garantir os requisitos de rastreabilidade e gravação da calibração, local e manutenção para os standards atuais de qualidade e acreditação. 

Rastreamento RFID para gestão de inventário

Rastreamento RFID para gestão de inventário

Um bom exemplo é o rastreamento de produtos para gestão de activos, onde os sistemas RFID simplificam a identificação e gestão de ferramentas e equipamento de sustentabilidade valioso. Para isto, o produto a ser etiquetado apenas precisa de estar equipado com uma das abraçadeiras RFID da HellermannTyton que foram programadas com um código único. 
Pode interligar o código pré programado com a base de dados ou adicionar requisitos específicos de código, de acordo com as necessidades da sua base de dados. 

Leia um exemplo de rastreamento RFID dos nossos casos práticos no nosso Blog da HellermannTyton.

O facto de cada elemento ser rastreável, também representa vantagens na recepção de mercadorias. Os custos tornam-se mais transparentes e os processos de fluxo de valor podem ser optimizados. As falsificações de produtos são mais fáceis de identificar. O uso de cabos RFID torna-os completamente impossível: uma vez que o conector de cabo é cortado, não pode ser reutilizado - porque cada chip de RFID tem um ID único. As abraçadeiras RFID garantem a autenticidade da informação armazenada. 

Rastreamento RFID para turbinas eólicas

Rastreamento RFID para turbinas eólicas

Temos um parque eólico offshore como outro exemplo de rastreamento RFID. Os engenheiros precisam de trabalhar com equipamentos frequentemente usados no terreno para cumprir tarefas de reparação ou manutenção.  

Para fazer a gestão do inventário e/ou identificar o local do equipamento, por exemplo, pode ser equipado com uma abraçadeira RFID. A informação programada pode ser ligada a uma base de dados que serve de informação e ferramenta de gestão para uma forma fácil de rastear as ferramentas. 

Com a ajuda da tecnologia NFC (comunicação próxima do terreno), o engenheiro pode comunicar com a abraçadeira RFID usando uma app no seu tablet ou computador. Desta forma, é possível, por exemplo, verificar o equipamento antes e após o seu uso. A grande vantagem deste sistema é o controlo permanente, que tem dois utilizadores e administradores destes activos.

Leia mais sobre este exemplo de rastreamento RFID no artigo do nosso blog de RFID.

Rastreamento RFID para ambientes perigosos

Rastreamento RFID para ambientes perigosos

As abraçadeiras RFID feitas de materiais diferentes são a solução ideal onde as condições na unidade de produção, tais como calor, terra e líquidos, são extremas.  

Por exemplo, serviço hidráulico que faz reparações em mangueiras. As condições extremas juntam-se aqui. Uma mistura de óleo hidráulico, solução aparafusável e terra desfocam a etiqueta do produto convencional até que se torne indecifrável. Isto foi um problema para o staff de serviço. Não podiam identificar o tipo de mangueira com que estavam a lidar. Qual é a pressão de carga máxima de uma mangueira? Quando é que a mangueira foi feita e instalada? Quem foi o último a trabalhar com isto?  

A solução para a empresa deste serviço foi usar as abraçadeiras RFID da HellermannTyton feitas de metal, que não são afectadas por óleo ou calor.

Rastreamento RFID para a construção

Rastreamento RFID para a construção

Existem muitas outras áreas de aplicação para aplicação de rastreamento RFID, como a construção de guindastes. Por exemplo: etiquetas de produtos anteriores foram de difícil acesso e que já não eram possíveis de ler, por causa de várias camadas de tinta, que foram aplicadas a pedido do cliente. Ao usar as abraçadeiras RFID da HellermannTyton para identificação, a informação permanece sempre legível, pois o chip está colocado no seu interior e pode suportar ambientes severos ou camadas de tinta. 

Saiba mais no nosso artigo no blog RFID.

Rastreamento RFID para indústria automóvel

Rastreamento RFID para indústria automóvel

Os processos também podem ser simplificados e optimizados no caso haver rastreabilidade de elementos. Por exemplo, no caso de falhas, relembranças ou intervalos de monitorização de manutenção. 
Para etiquetagem de produtos em geral, como na instalação de elementos em automóveis.

Aqui, a abraçadeira RFID também é uma medida de segurança, que é mais confiável e envolve menos esforço do que soluções de etiquetagem convencionais. Se a abraçadeira for cortada, não pode ser reutilizada.  

A autenticidade da informação numa abraçadeira RFID como etiqueta de produto, está, por isso, garantida. Isto quer dizer que, por exemplo, pode saber quem instalou determinado elemento, com que propriedades, em que que fábrica e em que dia.  

Os nossos produtos para rastreamento RFID inteligente

O rastreamento RFID para gestão de inventário: todos os produtos RFID da HellermannTyton podem ser usados para fixação, serialização, rastreamento e identificação de produtos. Em áreas de gestão de recursos, inspecção eléctrica, inventário, distribuição e aluguer de serviços, bem como para uma fácil gestão de manutenção e rotinas de reparação. 

Abraçadeiras RFID

Abraçadeiras de nylon com transmissor RFID alto ou baixo - T50RFID

Abraçadeiras de nylon RFID com chip no interior

As abraçadeiras RFID fornecem uma solução inovadora para rastreamento RFID claro e rápido. 
 

As abraçadeiras de nylon estão equipadas com um transmissor RFID e, desta forma, combinam as inúmeras vantagens das abraçadeiras normais com a tecnologia RFID.

Abraçadeiras RFID de metal detectável com etiquetas de identificação - MCTRFID

Abraçadeira RFID de metal detectável com chip no interior

As abraçadeiras RFID com conteúdo de metal são feitas com uma percentagem de elementos de metal rastreável (íman/ Raio-X) e foram especialmente desenvolvidas para indústrias onde há um potencial de contaminação. 

As abraçadeiras podem ser usadas para fixação, serialização, rastreamento e identificação de produtos, por exemplo, no processamento de comida, na indústria química ou farmacêutica, para apoiar o esforço de controlo de qualidade. 

Abraçadeiras de aço inoxidável com transmissor RFID HF e HF - MBTRFID

Abraçadeiras de aço inoxidável com chip RFID

As abraçadeiras RFID de aço inoxidável estão equipadas com um portador deslizante para um transportador RFID de alta frequência (HF) ou ultra alta frequência (UHF). 
 

Estas abraçadeiras são ideais para identificação de produtos em todas as áreas de ambientes severos onde a força de tensão e durabilidade são importantes. 

Acessórios com transmissor RFID para rastreamento RFID

HEXTAG - Alta Frequência (HF)

Acessório de RFID HEXTAG

O HEXTAG feito de PA66 está equipado com um transmissor de alta frequência. 

O orifício central permite uma montagem simples em aplicações onde uma solução de abraçadeira RFID não é adequada.  

CRADLE - Alta Frequência (HF)

Acessório RFID CRADLE

O CRADLE, feito de TPU e equipado com um transmissor de alta frequência, pode ser usado em abraçadeiras standard da HellermannTyton.

Leitores/Gravadores RFID para melhorar a confiança e qualidade do processo

Leitor RFID portátil

two Handheld RFID Reader Leitor RFID portátil

Os leitores RFID portáteis HS9  foram feitos para ler transmissores LF e ler/escrever em transportadores HF equipados com acessórios RFID da HellermannTyton.

O leitor HS9 está disponível para transmissores de baixa frequência  (LF, 125 kHz, apenas de leitura) e para alta frequência (HF, 13.56 MHz, ler e escrever).

Leitor - RFID - Ambiente de trabalho

Leitor para ambiente de trabalho

O leitor de ambiente de trabalho RFID-DT22 para uso fixo, foi feito para ler e escrever de/para transmissores de alta frequência (HF 13.56 MHz) equipados com abraçadeiras RFID e acessórios da HellermannTyton.

Os leitores são o interface entre o transmissor RFID e os sistemas de computador ou bases de dados. As ondas de rádio transmitem os dados desde o transmissor RFID até ao leitor, para que a leitura sem contacto e/ou escrita de informação seja possível. 

Perguntas Frequentes

O que é o rastreamento RFID?

A identificação por Radiofrequência ou RFID, é a tecnologia que que usa ondas de rádio para identificar objetos ou pessoas através de ondas eletromagnéticas. Consiste em três componentes principais: transmissores RFID ou etiquetas RFID, leitores RFID e base de dados ou sistemas de software. A forma com o as etiquetas RFID são rastreadas é muito simples: a etiqueta contém um microchip que contém informação sobre o objeto com a etiqueta, assim como uma antena que permite que haja uma comunicação entre a etiqueta e o leitor. O leitor recebe o sinal da etiqueta passa-o a um sistema de software onde será processado.

Qual é a diferença entre códigos de barras e RFID?

Qual é a diferença entre códigos de barras e RFID?

Os códigos de barras e RFID (Identificação por radiofrequência) são tecnologias usadas para a identificação e rastreamento de objetos, mas podem ser diferentes nas suas aplicações subjacentes-

  • Os códigos de barras são representações visuais de dados numa série de linhas em paralelo, normalmente impressas em etiquetas. São lidas por um scanner optical que interpreta estes padrões e transforma-os em formato leitor, como números ou caracteres alfabéticos. Os códigos de barra são rentáveis, fáceis de implementar e bastante usados.
  • A tecnologia RFID usa sinais eletromagnéticos para identificar e rastrear objetos. As etiquetas RFID podem ser lidas esmo quando não estão muito visíveis diretamente ao leitor. Também podem armazenar mais informação do que um código de barras, e já que várias etiquetas podem ser lidas ao mesmo tempo, a tecnologia RFID é mais eficiente para rastrear grandes quantidades. Por fim, as etiquetas RFID são mais robustas do que os códigos de barras.

O RFID pode ser hackeado?

 A tecnologia RFID (Identificação por radiofrequência) pode potencialmente ser hackeada, como qualquer outra tecnologia. No entanto, nem todos os sistemas RFID são igualmente vulneráveis. A visibilidade e complexidade de hackear os sistemas RFID dependem de vários fatores, incluindo o tipo específico de tecnologia RFID a ser usada, as medidas de segurança em questão e o nível de capacidade do hacker. A implementação de medidas de segurança responsáveis pode mitigar os riscos associados aos ataques RFID.

As etiquetas RFID são recicláveis?

As etiquetas RFID podem ser reutilizadas e recicladas. Mais importante, o conteúdo gravado nas etiquetas pode ser sobre-gravado, tornando possível a utilização repetida das etiquetas RFID. Outra vantagem muito importante da tecnologia RFID está nos casos de utilização. Por exemplo, as etiquetas RFID podem ser usadas para rastrear caixotes do lixo. Ao processar o lixo, o tipo, o peso e o impacto ambiental podem ser rastreados. Esta informação podia ser usada para calcular a carga desse caixote, encorajando, assim, o proprietário do caixote a mudar o seu comportamento, levando-o a produzir menos lixo.

As etiquetas RFID podem rastrear a localização?

As nossas etiquetas RFID são passivas, o que quer dizer que não têm a sua própria fonte de energia e dependem de um leitor de sinais eletromagnéticos para ativar e transmitir a sua informação. Normalmente, estas etiquetas têm um alcance curto, que pode atingir entre 1 cm a 9 metros, dependendo da frequência da etiqueta (baixa, alta ou ultra alta frequência). São usadas principalmente em tarefas como gestão de inventário, rastreamento de ativos e controlo de acesso, onde o foco está em identificar objetos perto do leitor. É importante saber que os sistemas RFID tradicionais não são tão precisos como um GPS para rastreamento de localização.